image

Anderson do Singeperon fala sobre veto de projeto que cria conselho LGBTT

O deputado Anderson do Singeperon (Pros) usou a tribuna na manhã desta quarta-feira (2) para parabenizar os trabalhadores pelo seu dia e falar sobre o projeto de lei aprovado na terça-feira passada que dispunha quanto à criação do Conselho Estadual de Direitos dos LGBTT.

O parlamentar agradeceu o trabalho feito pelos servidores da Casa de Leis e aos demais trabalhadores de Rondônia e os parabenizou pelo Dia do Trabalhador, comemorado dia 1º de maio. “Se não fosse por vocês, com certeza, nada funcionava nesse Estado. Quem segura a máquina são os trabalhadores”.

Ao falar da aprovação do projeto de lei 845/17, que dispõe sobre a criação de um conselho para tratar dos direitos da comunidade LGBTT, o deputado falou não estar presente na hora da votação. “Meu nome estava no painel, porém eu não estava em plenário e sim cumprindo agenda aqui na Casa”.

Ele afirmou que hoje a Comissão de Educação da Casa de Leis fez uma recomendação ao governo do Estado pedindo o veto do projeto, fazendo com que o mesmo retorne à Assembleia para uma segunda votação. “Assim discutiremos melhor a questão e cada deputado poderá votar e justificar o voto”.

Além disso, Anderson criticou o posicionamento de um deputado federal que usou a aprovação do projeto como forma de difamar a Assembleia Legislativa de Rondônia. Ele lembrou que já existe um conselho a nível nacional, criado na época do governo Lula e o referido parlamentar não fez nenhuma objeção na época.

“Eu não sou a favor do conselho por razões próprias, mas não podemos aceitar um deputado, que não fez nada quando a criação do conselho a nível nacional querer fazer politicagem em cima da Assembleia. Isso é querer brincar com os cristãos do nosso Estado”.

Fonte: ALE/RO – DECOM