28o53kpfktgkk

Bando é preso com armas após cair em ribanceira durante perseguição policial em Porto Velho

Cinco pessoas foram presas com armas e munições após uma perseguição policial e atirarem contra a PM no final da noite desta segunda-feira (12), em Porto Velho. O grupo estava em um veículo com placa adulterada e acabou caindo em uma ribanceira, na Avenida Rio Madeira, durante a fuga.

De acordo com o boletim de ocorrência, uma guarnição da Polícia Militar (PM) fazia patrulhamento pela Estrada da Penal quando se deparou com o veículo ocupado por cinco homens em atitude suspeita.

Os militares fizeram a pesquisa veicular e constataram que a placa pertence a um outro veículo. Foi então dada a ordem de parada, mas os suspeitos não obedeceram e fugiram, sendo acompanhados pelos policiais, que solicitaram reforço.

Durante a fuga, ainda conforme o boletim de ocorrência, os suspeitos dispararam uma vez contra a guarnição policial e continuaram a fuga em alta velocidade pela Avenida Rio Madeira. Quando tentaram entrar no Ramal Santa Luzia, mas perderam o controle da direção do veículo e caíram em uma ribanceira e bateram no barranco.

Eles acabaram abordados e presos. Dentro do automóvel foram encontradas três armas, sendo dois revólveres calibre 38 e um revólver calibre 32, várias munições intactas e uma deflagrada.

Diante dos fatos, Marcos S. R., de 38 anos, Matheus Brito T. T. G., de 20 anos, Renato N. S., de 24 anos e os monitorados por tornozeleira eletrônica Luis C. G. R., de 32 anos e Linequer P. S., de 26 anos, foram conduzidos para a Central de Flagrantes. Antes, Alexandre, Linequer e Mateus ficaram feridos no acidente e foram encaminhados ao Pronto-Socorro João Paulo II.

Questionados, Marcos contou que chamou o bando para ir no Bairro Nova Esperança assassinar um desafeto. Outros objetos de procedência duvidosa foram apreendidos. O caso foi registrado como porte ilegal de arma de fogo.

Fonte: Rondoniagora