Liberdade de Expressão: Vereadores de Espigão aprontam mais uma para o cidadão

A turma do Legislativo Mirim mais uma vez mostra imaturidade para o cargo…é o fim da rosca!

Espigão do Oeste passa por tempos difíceis, prefeito é vaiado em praça pública, e não foi uma vaia qualquer, foi daqueles que o apoiaram financeiramente na campanha. “A vaca foi para o brejo e não é possível ver sinais de que irá sair”.

Em tempos assim, a imagem dos vereadores que já é ruim, acaba de vez. Eles que deveriam cobrar e fiscalizar o executivo, optaram por um mandato figurativo, entre uma selfie e outra, surge um pedido de providência que nada providencia.

Justiça seja feita, uma mão é suficiente para contar aqueles que estão de fato prestando um serviço à sociedade, e vai sobrar dedos na mão.

Adesivo-vereador-não-é-profissão

Não bastante o vexame público da atual legislatura, os senhores da selfie resolveram divulgar uma “Nota Pública” que adverte os munícipes que a utilização indevida de nomes de vereadores e da própria Câmara Municipal em notícias falsas de imputação de ilícitos, é conduta que pode se caracterizar em crime.

Perderam o respeito da sociedade e a noção do ridículo, figuras públicas que não entendem o que é ser um homem e uma mulher pública, que esqueceram quem paga suas remunerações, suas diárias, quem banca a coisa toda merece mais consideração.

Quem conhece as reivindicações da sociedade e as ações dos vereadores, ao ter conhecimento da nota, pode facilmente imaginar que os parlamentares pretendem judicializar “o fato de alguém revelar o que é do conhecimento de toda sociedade”. Falta representante para o povo em Espigão do Oeste.

Fonte: Portal Espigão