Vereadores de Porto Velho aprovam entrega da saúde pública à entidades privadas

Em sessão extraordinária convocada às pressas, a Câmara de Vereadores de Porto Velho aprovou o projeto de lei do prefeito Hildon Chaves (PSDB) que transfere o setor de saúde do município ao controle de Organizações Sociais de saúde, as chamadas OSs, entidades privadas que farão a gestão do setor.

A sessão que aprovou o projeto foi tumultuada, com a galeria lotada de servidores municipais. Houve protestos e xingamentos contra os vereadores que votaram a favor do projeto. A vereadora Elis Regina (PC do B) disse que a sessão foi ilegal, pois a convocação de sessão extraordinária não seguiu o que determina o Regimento Interno da Câmara.

As Organizações Sociais de saúde são entidades sobre as quais existem polêmica e denúncias de corrupção e irregularidades, mas o prefeito Hildon Chaves resolveu adotá-las como modelo de gestão para o município diante da incapacidade de sua administração de melhorar o atendimento à população.

Fonte: Tudorondonia